ApacAPAC


Palácio dos Aboim

R. Arco Marquês Alegrete,
Bl. 2 - esc 4.8

1100-034 LISBOA



Tel: 21 882 16 43
Fax: 21 882 16 44
e-mailgeral@apaclinicos.pt

 

Especialistas britânicos identificaram proteínas sanguíneas em pacientes diagnosticados posteriormente com Alzheimer, aumentando a esperança de que um teste possa ajudar na procura de tratamento para a doença. Atualmente não há cura para a doença, a forma mais comum de demência, que afeta 44 milhões de pessoas em todo o mundo, um número que poderá triplicar até 2050, de acordo com estimativas da Alzheimer's Disease International.

Um teste para diagnosticar a doença na sua fase inicial permitiria aos investigadores monitorizar os pacientes antes de a doença atingir um estágio mais avançado, contribuindo para a descoberta de uma cura.

in Correio da Manhã, 08 Julho 2014

«  setembro 2017  »
dstqqss
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Não hesite,

Contacte-nos!
Estamos disponíveis para esclarecer quaisquer dúvidas.